Após polêmica, Sette Câmara e Tardelli fecham acordo e atacante retorna ao Galo

Diego Tardelli volta ao Atlético para recuperar seu futebol, melhorar o sistema ofensivo do time e ajudar o clube a tentar conquistar novos títulos

Tardelli possui números expressivos com a camisa do Atlético e é nova esperança de gols.
Foto: Bruno Cantini/Atlético

Do Portal Futebol Diário, em Belo Horizonte

Um dos maiores ídolos da torcida do Atlético na história está de volta ao clube. Depois de retornar ao Brasil em 2019 vindo do futebol chinês para atuar no Grêmio e após uma polêmica recente com o presidente atleticano, Sergio Sette Câmara, Diego Tardelli mesmo assim acertou com o Galo e vai vestir a camisa atleticana mais uma vez em sua carreira. Nesta quarta-feira, prévia da partida do Atlético contra o Campinense, em Campina Grande-PB, às 21h30, pela primeira fase da Copa do Brasil, o próprio presidente alvinegro confirmou oficialmente a contratação de Tardelli para a temporada 2020 por meio das redes sociais. A curiosidade neste instante no retorno de Diego Tardelli ao Galo é devido ao fato de Sette Câmara, recentemente, ter sido perguntado por um torcedor dentro de um avião se Tardelli retornaria ao Atlético e o presidente respondeu: “Asilo aqui agora?”. A resposta de Sergio Sette Câmara causou grande alvoroço e desconforto, e chegou até Tardelli, que replicou imediatamente o presidente do Atlético com uma longa mensagem nas redes sociais pedindo respeito pela sua história no Galo.

Mas tudo terminou em paz entre Tardelli e Sette Câmara, e o tempo de contrato do atleta será de uma temporada. Aos 34 anos de idade, Diego Tardelli chega para a sua terceira passagem no Atlético e com status de principal reforço para 2020, além de dono da condição de novo goleador do time. Nas duas primeiras passagens na Cidade do Galo, Tardelli conquistou à torcida atleticana com uma enorme identidade, belos gols, grandes jogadas e títulos importantes conquistados. Em 2009, quando chegou pela primeira vez no Atlético, Diego Tardelli foi o artilheiro do Galo na temporada e do Campeonato Brasileiro daquele ano, com 19 gols feitos, além da artilharia também do Campeonato Mineiro de 2009 após 16 tentos marcados. Com tantas credenciais, na primeira vez que atuou com a camisa alvinegra, Tardelli alcançou somente um título pelo clube e mais conquistas viriam em diante.

Após deixar o Atlético em 2011 para jogar no Anzhi, da Rússia, Diego Tardelli foi repatriado pelo antigo presidente da instituição, Alexandre Kalil, em 2013. Ano que Tardelli formou uma grande dupla de ataque com Ronaldinho Gaúcho – a qual ajudou o Atlético a conquistar naquele ano a Libertadores da América e o Campeonato Mineiro. Posteriormente, em 2014, Tardelli foi o grande nome atleticano na conquista da Copa do Brasil, diante do arquirrival, Cruzeiro, e também protagonista no título da Recopa Sul-Americana sobre o Lanús. A segunda passagem de Diego Tardelli no Galo durou até o início de 2015, quando o atacante acabou sendo negociado ao Shandong Luneng, da China, onde ficou por quatro temporadas até regressar ao Brasil para atuar no Grêmio – à época, a expectativa dos torcedores do Atlético era de uma volta direta de Tardelli ao Galo, algo que não aconteceu e deixou grande parte da torcida furiosa com o jogador.

Mas a passagem de Diego Tardelli no Grêmio não foi aquela esperada pelo próprio jogador, que rescindiu o seu contrato ainda em vigor com o tricolor gaúcho nas últimas semanas deste ano. Inicialmente, o futuro de Tardelli era incerto devido ao alto salário do atacante e o interesse do Atlético pelo atacante Soteldo, do Santos. Nesta quarta, o destino do jogador tornou-se à sua antiga casa, onde possui no total até o momento 219 partidas disputadas, 110 gols marcados, 112 vitórias, 50 empates, 57 derrotas e cinco títulos conquistados (Campeonatos Mineiros de 2010 e 2013, Libertadores de 2013, Copa do Brasil de 2014 e Recopa Sul-Americana de 2014). Revelado pelo São Paulo, Tardelli buscará agora no Galo recuperar o seu futebol que não foi totalmente rendido no Grêmio, uma vez que em Porto Alegre o jogador fez somente 7 gols em 47 jogos sob o comando técnico de Renato Gaúcho. A contratação de Tardelli é a sétima do Atlético para a temporada 2020, o qual já se reforçou com Maílton, Guilherme Arana, Allan, Hyoran, Dylan Borrero e Jefferson Savarino. A apresentação de Diego Tardelli na Cidade do Galo vai ocorrer em breve e o jogador deve ficar à disposição ainda neste mês ao técnico Rafael Dudamel, que também tem para o ataque Di Santo e Ricardo Oliveira.