Flamengo e Palmeiras vencem por goleadas; Inter é o último time classificado para a Libertadores

Melhor ataque, rubro-negro chega aos 86 gols marcados no Brasileirão com atropelo sobre Avaí; já time alviverde consegue reabilitação, volta a vencer e ajuda Colorado

Gabigol alcança à marca de 25 tentos no Brasileirão e segue isolado na artilharia.
Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

Do Portal Futebol Diário, em Belo Horizonte

Marco Túlio Souto

A penúltima rodada do Campeonato Brasileiro 2019 teve encerramento nessa quinta-feira com mais quatro partidas que envolveram equipes da parte de cima e de baixo da tabela e as redes balançaram com vontade. Um dos confrontos foi entre o líder e campeão, contra o lanterna e já rebaixado. No Maracanã mais uma vez completamente lotado e debaixo de muita chuva, o Flamengo fez valer o seu total favoritismo e não teve piedade para golear o Avaí, pelo placar de 6 a 1, com direito a um gol do artilheiro do Brasileirão e que tem futuro bastante incerto no Flamengo. Gabigol ajudou o rubro-negro carioca ao marcar o tento dele aos 39 minutos do primeiro tempo, mas quem iniciou novo atropelo do Flamengo na competição foi Arrascaeta e Diego Ribas, os quais abriram o escore. Ainda na primeira etapa, o Avaí até conseguiu balançar o barbante do Maraca com Lourenço, porém, no segundo tempo, o Flamengo confirmou a goleada com Lincoln e Reinier, esse autor de dois gols, para despedir da torcida no último jogo no estádio e levar o time comandado pelo técnico Jorge Jesus aos 90 pontos na classificação, 19 pontos à frente de Santos e Palmeiras, segundo e terceiro colocado, respectivamente.

Além disso, essa foi a 28ª vitória do Flamengo no Campeonato Brasileiro, aumentando agora a invencibilidade para 24 partidas sem derrota no Brasileirão e 29 jogos invicto em toda a temporada, um dos recordes conquistados pela equipe em 2019. O último revés do Flamengo neste ano aconteceu para o Bahia, em Salvador, no mês de agosto e, depois disso, o time rubro-negro não sentiu mais o gosto de sair de campo derrotado, sobretudo ao vencer a Libertadores, em novembro passado. O novo triunfo do Flamengo também teve um time titular completamente modificado, com as ausências de Diego Alves, Rodrigo Caio, Pablo Marí, Filipe Luís, Willian Arão, Gerson e Bruno Henrique, todos poupados em virtude do próximo compromisso da equipe, diante do Santos, neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro – além do foco principalmente no Mundial de Clubes, que vai começar para o Flamengo no dia 17 de dezembro.

Enquanto o Flamengo atropelou no Rio de Janeiro, o Palmeiras também fez o mesmo e despachou o Goiás, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Vivendo antes enorme pressão pelo acúmulo de resultados negativos que culminaram nas demissões do técnico Mano Menezes e do diretor de futebol, Alexandre Mattos, o Palmeiras enfrentou um adversário que ainda sonhava por vaga na próxima edição da Libertadores, no entanto, eliminou qualquer possibilidade aos visitantes do duelo. Com gols marcados por um de Zé Rafael, dois de Dudu e dois também de Gabriel Veron, o time alviverde superou a equipe esmeraldina, por 5 a 1, uma vez que Rafael Moura fez o dele para o Goiás, e o Palmeiras ainda quer encerrar o Brasileirão como vice-campeão pelo menos após fracassar por títulos na temporada. Na próxima rodada e para isso, o Palmeiras vai encarar o desesperado e ameaçado ao rebaixamento, Cruzeiro, às 16h, no Mineirão, podendo também ‘afundar’ a Raposa à Série B.

O resultado magnífico do Palmeiras beneficiou ao mesmo tempo nessa 37ª rodada o Internacional. Com 54 pontos e em oitavo lugar, o Inter foi derrotado na última quarta-feira para o São Paulo, por 2 a 1, no Morumbi, e necessitava de um revés do Goiás para garantir automaticamente uma vaga na fase preliminar da Libertadores de 2020 ao lado do Corinthians. Além dessas duas partidas, jogaram também nessa quinta-feira Bahia e Vasco, na Fonte Nova, em Salvador, jogo que terminou empatado pelo placar de 1 a 1, com gols anotados pelo artilheiro Gilberto, ao Bahia e Marrony, na reta final da partida, garantindo o empate para o Vasco da Gama de Vanderlei Luxemburgo. No outro embate da rodada, em Porto Alegre, o Grêmio, já classificado para a fase de grupos da Libertadores de 2020 assim como Flamengo, Santos, Palmeiras, Athletico-PR e São Paulo, venceu o Cruzeiro, por 2 a 0, e complicou ainda mais a vida da Raposa que vai precisar vencer neste domingo e torcer por uma derrota do Ceará para o Botafogo, no Engenhão, em busca de permanecer na Série A do Brasileirão, em 2020.