Após triunfo do Palmeiras, Flamengo precisa vencer se quiser seguir voando na ponta; São Paulo e Flu duelam

Quatro jogos fecham nesta quinta mais uma rodada do Brasileirão com clássico no RJ, embate entre tricolores, Vovô contra Saci e confronto de azuis

Gabigol está de volta e Flamengo irá com quase força máxima contra o Botafogo.
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Do Portal Futebol Diário, em Belo Horizonte

Marco Túlio Souto

A reta final do Campeonato Brasileiro 2019 começa a ‘pegar mais fogo’ a cada jornada que passa. Nesta quinta-feira, quatro partidas vão fechar a 31ª rodada do Brasileirão e com duelos extremamente importantes envolvendo a parte de cima e de baixo da tabela. Depois do começo da rodada nessa quarta-feira, os times que vão atuar na noite desta quinta já sabem o que devem fazer para resolverem às suas situações na classificação. Líder isolado do campeonato e sem Arrascaeta, lesionado, o Flamengo enfrenta o Botafogo, às 20h, no Estádio Nilton Santos, em clássico de momentos opostos e desejos distintos. Depois do triunfo do Palmeiras sobre o Vasco, pelo placar de 2 a 1, em São Januário, o rubro-negro carioca contabiliza neste momento 71 pontos e está a cinco pontos à frente da equipe de Mano Menezes. Para manter a vantagem anterior de oito pontos perante o vice-colocado, só a vitória interessa ao Flamengo no dérbi, que venceu os últimos 15 de 17 jogos disputados. Mas não é apenas o Fla que necessita vencer o clássico no Rio de Janeiro. Por outro lado, o Botafogo, com 33 pontos e em situação bastante delicada no certame, também quer o triunfo e vai precisar pelo menos empatar a partida para não correr o risco de terminar a rodada na zona de rebaixamento.

Isso porque, um dos adversários diretos do Botafogo na briga contra o descenso é o rival Fluminense, o qual também joga nesta quinta-feira, mas às 19h30, no Morumbi. Na zona de rebaixamento, o tricolor carioca não conquista uma vitória há quase um mês e, com 31 pontos ganhos, vai precisar reencontrar o caminho das vitórias nesta rodada para deixar a zona da degola. Já o São Paulo, que contabiliza 52 pontos e figura na quarta posição do Brasileirão, tem a mesma necessidade do Fluminense pelo triunfo diante dos seus torcedores para, em contrapartida, buscar encaminhar de forma direta a sua vaga na próxima edição da Libertadores, em 2020.

Nos outros confrontos do fechamento da 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, Ceará e Internacional fazem, também às 19h30, no Castelão, outro duelo envolvendo a parte superior contra a parte inferior da competição. Com 33 pontos, o Ceará, comandado pelo técnico Adílson Batista, é mais uma equipe que está na luta desesperada para escapar da segunda divisão e almeja reabilitação, depois de perder para o Palmeiras, na tentativa de permanecer fora da zona de rebaixamento. Para que isto ocorra, o Ceará, em princípio, precisa pelo menos sair com um empate diante da sua torcida e contra um adversário que mira um lugar na Libertadores, no ano que vem. Sem vencer há dois jogos, o Internacional, com 46 pontos somados, é outro que busca recuperação neste instante do campeonato. Em caso de triunfo em Fortaleza, o Inter ultrapassará Athletico-PR e Corinthians, e entrará no G6 do Brasileirão.

O último duelo desta quinta-feira ocorrerá em Porto Alegre, em mais um embate que coloca lado a lado times que têm anseios diferentes na competição. Na busca incessante pelo G4, o Grêmio, de Renato Gaúcho e Éverton Cebolinha, recebe a visita do antepenúltimo colocado CSA-AL, às 21h, na Arena Grêmio. Vindo de três vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro desde à trágica eliminação para o Flamengo, na Libertadores, o tricolor gaúcho quer aumentar sequência positiva após triunfo no último domingo, no clássico contra o Internacional, para tentar terminar a rodada na quarta posição. Para isso, além de precisar superar os alagoanos, o Grêmio necessita também de pelo menos um empate do São Paulo diante do Fluminense. Já o CSA, por sua vez, busca voltar a vencer no certame na tentativa de seguir com grandes possibilidades de não retornar à Série B.

Partidas realizadas

Nessa quarta-feira, seis jogos foram realizados no começo da 31ª rodada do Brasileirão. Ela começou com reabilitação do Corinthians, que venceu o Fortaleza, pelo placar de 3 a 2, em Itaquera. Depois, foi a vez também do Galo reencontrar o caminho do triunfo ao vencer a equipe do Goiás, por 2 a 0, no Mineirão. Outros times que conquistaram três pontos foram também Santos e Palmeiras. Em Santa Catarina, o Peixe bateu o lanterna do Brasileirão, Avaí, pelo placar de 2 a 1. Já no Rio de Janeiro, o Palmeiras e com vários jogadores titulares poupados, também ganhou do Vasco, por 2 a 1, e permanece invicto há quase um mês. Nos únicos empates da rodada até então, Athletico Paranaense e Cruzeiro não saíram do zero em Curitiba, e Bahia e Chapecoense empataram pelo placar de 1 a 1, em Salvador.