Rodada do Campeonato Brasileiro começa quente e com resultados importantes

Palmeiras mantém boa invencibilidade e supera o São Paulo, enquanto Grêmio bate o Vasco no RJ e encosta no G4; na outra parte da tabela, Fortaleza, Ceará, CSA e Chapecoense vencem

Deyverson atinge rosto de Daniel Alves em lance no clássico paulista.
Foto: Reprodução/Palmeiras

Do Portal Futebol Diário, em Belo Horizonte

Marco Túlio Souto

Seis partidas movimentaram o início da 29ª rodada do Campeonato Brasileiro na noite dessa quarta-feira e a situação de cada clube começa a ficar bastante decisiva com o passar dos jogos, tanto na parte de cima, do meio e de baixo da tabela. Dos seis encontros, nenhum terminou empatado. Três visitantes venceram e três mandantes ganharam com um total de 18 gols. Na abertura da rodada, o Palmeiras atropelou o São Paulo no Allianz Parque e venceu o clássico pelo placar de 3 a 0, com gols marcados por Bruno Henrique e Felipe Melo, no primeiro tempo, e Gustavo Scarpa, na etapa complementar. A vitória do Palmeiras deixa a equipe com 60 pontos e mantém uma invencibilidade do time palmeirense de cinco partidas sem derrota no Brasileirão sob o comando técnico de Mano Menezes – que perdeu somente um duelo de 13 jogos desde que chegou à área técnica alviverde. Além disso, o Palmeiras vai acordar com sete pontos atrás do líder Flamengo, que joga nesta quinta-feira, e ainda acredita em chances mesmo remotas neste momento do bicampeonato brasileiro.

No mesmo horário que o Palmeiras superou o São Paulo quebrando uma série positiva do técnico Fernando Diniz no tricolor paulista, a Chapecoense surpreendeu e bateu o Atlético, em pleno Independência, por 2 a 0, e tenta reagir contra o rebaixamento na competição. Por outro lado, o Galo passa a se preocupar com a degola e é a equipe com a segunda pior campanha no returno do Campeonato Brasileiro neste instante, atrás somente do Avaí. Também às 19h30, o Fortaleza, de Rogério Ceni, foi até Florianópolis e ganhou com facilidade do lanterna Avaí, com gols anotados por Paulão, Romarinho e Wellington Paulista, enquanto Vinícius Araújo descontou para os catarinenses, que estão virtualmente rebaixados para a Série B com apenas 17 pontos ganhos.

Nas partidas das 21h30, o Ceará não tomou conhecimento no importante confronto direto com o Fluminense e ganhou do tricolor carioca, pelo placar de 2 a 0, no Castelão, com um gol em cada tempo. Primeiro, aos 14 minutos, Bérgson abriu o marcador para o time comandado pelo técnico Adílson Batista. Depois, na segunda etapa, Mateus Gonçalves fechou a conta para o Ceará, que vai aos 33 pontos e permanece forte e fora da luta contra o rebaixamento, diferentemente do Flu, o qual pode terminar a rodada no Z4. Em outro duelo que envolveu um time que briga para escapar do descenso contra uma equipe que está em ‘queda livre’ no anseio pela Libertadores, o CSA-AL mostrou força novamente em seu estádio e venceu o Corinthians, por 2 a 1. Apodi fez o primeiro tento dos alagoanos em um belo gol aos 25 minutos da etapa inicial, Pedrinho empatou para o Corinthians ainda aos 45 minutos, porém, Ricardo Bueno, aos 40 minutos do segundo tempo e de cabeça, desempatou o jogo e levou o CSA aos 29 pontos ainda dentro da zona de descenso.

Outro que retomou o caminho das vitórias e conquistou o seu segundo triunfo consecutivo depois de sofrer uma avalanche de gols para o Flamengo, nas semifinais da Libertadores, no Maracanã, o Grêmio, desta vez, bateu o Vasco da Gama, em São Januário, pelo placar de 3 a 1 e de virada. O time da colina saiu na frente no escore com Guarín, em cobrança de falta e contando com falha do goleiro Paulo Victor. Porém, a reação gremista iniciou com Pepê, aos 33 minutos, que empatou o duelo. No segundo tempo e superior no confronto, o Grêmio virou o placar com Éverton Cebolinha e definiu a vitória, além dos 47 pontos e à quinta colocação no Brasileiro, com Luciano, em cobrança de pênalti.

A 29ª rodada do Campeonato Brasileiro vai ter continuidade nesta quinta-feira com mais quatro partidas. Às 19h15, Santos e Bahia medem forças na Vila Belmiro, enquanto às 20h, o líder Flamengo visita o Goiás, no Serra Dourada e em busca de manter a distância de dez pontos para o segundo colocado Palmeiras na ponta da tabela. Um pouco depois, às 21h30, Botafogo e Cruzeiro fazem embate crucial pela parte inferior da tabela, no Nilton Santos, e o Internacional recebe o Athletico Paranaense, em Porto Alegre, na reedição da final da Copa do Brasil 2019.