Suárez brilha, Barça supera Inter de Milão e Liverpool também vence em grande jogo

Na Catalunha, Barcelona e Internazionale fizeram partida de muitas chances, mas Suárez e Messi decidiram; já atual campeão tomou susto e ainda venceu

Suárez voltou a balançar às redes pelo Barcelona na Champions League. Créditos: UEFA

Belo Horizonte, 02/10/2020 – Portal Futebol Diário

Marco Túlio Souto

A fase de grupos da Champions League 2019/20 já começou à flor da pele. Nesta quarta-feira, no fechamento da segunda rodada, não faltaram gols, lances geniais e emoção. Assim como nessa terça-feira, as redes balançaram com vontade nos principais estádios do Velho Continente e, ao todo, foram 24 tentos, quatro a menos que o primeiro dia dessa segunda rodada da Liga dos Campeões. E duas das oito partidas desta quarta foram de tirar o fôlego. Em Barcelona, Barça e Inter de Milão fizeram um belo duelo e que foi decidido nos detalhes, enquanto na Inglaterra, o Liverpool acabou sendo surpreendido, mas conseguiu sair vitorioso na reta final do seu embate.

No Camp Nou, o tradicional confronto entre Barcelona e Internazionale teve a importante volta de Messi, que recuperou-se rápido de uma lesão na coxa e foi escalado pelo técnico Ernesto Valverde ao lado de Luis Suárez e Griezmann no trio de ataque barcelonista. Por outra parte, sem o centroavante belga Romelu Lukaku, a Inter de Milão apostou na dupla ofensiva composta por Alexis Sánchez, ex-Barça e Lautaro Martínez, compatriota de Lionel Messi. E foi dos pés do argentino, mas da Inter, que o placar mexeu pela primeira vez na partida na Catalunha.

Logo aos 3 minutos de jogo, Lautaro Martínez recebeu passe em velocidade pela esquerda, venceu Clement Lenglet na corrida e chutou de pé canhoto, rasteiro, na saída de Stegen, para abrir o placar. Depois do primeiro tento, a Inter de Milão dominava a primeira etapa e obrigou ao goleiro do Barça executar uma defesa formidável, em cabeçada de Lautaro Martínez, a qual evitou o segundo gol dos italianos no Camp Nou. Bastante superior no primeiro tempo, a Inter teve mais chances de ampliar o marcador perante um Barcelona pouco inspirado e desorganizado na etapa inicial, contudo, essas ocasiões não foram gravemente aproveitadas pela Internazionale.

Quando inúmeras chances não são convertidas no Camp Nou diante do Barça, a bola pune. Bastou a entrada de Arturo Vidal no lugar de Sergio Busquets, que o Barcelona mudou seu comportamento no jogo e melhorou significativamente. Aos 12 minutos do segundo tempo, Vidal executou cruzamento à meia altura para Suárez que, de fora da área, acertou um chute do voleio para marcar um golaço e incendiar o confronto na Espanha. Gol que cresceu o Barça na partida e diminuiu a confiança da Internazionale.

Quando o duelo parecia que o resultado terminaria empatado em 1 a 1, Messi pegou a bola pela direita do setor ofensivo, passou por quatro jogadores da Inter de Milão, até livrar-se de mais um pela entrada da área e servir Suárez, de maneira açucarada. Oportunista, o atacante uruguaio recebeu o passe do seu companheiro, dominou com a perna esquerda e, com ela mesma, chutou firme, sem defesa para Handanovic, para levar o Camp Nou ao delírio e dar o primeiro triunfo ao Barcelona na atual Champions.

Com a vitória, o Barça foi aos 4 pontos no Grupo F, mesmo número de pontos do Borussia Dortmund, que jogou às 13h55 (de Brasília) e também venceu, mas pelo placar de 2 a 0, diante do Slavia Praga, na República Tcheca. Na próxima rodada da Champions League, o Barcelona vai encarar o Slavia Praga fora de casa, enquanto Inter de Milão e Borussia Dortmund medirão forças na Itália.

Liverpool passa susto

No outro grande duelo do dia dessa segunda rodada da fase de grupos da Champions League, o Liverpool fez um primeiro tempo espetacular e aplicou logo de cara 3 a 0 no Salzburg, com gols marcados por Mané, Robertson e Salah. Contudo, os Reds sofreram um apagão no segundo tempo e acabou cedendo incrivelmente o empate ao time austríaco – Hee-chan, Minamino e Haland deixaram o escore igual em Anfield: 3 a 3.

Mas a equipe inglesa recuperou-se do baque, cresceu novamente no duelo e confirmou o primeiro triunfo na atual edição da Liga dos Campeões de novo do Mohamed Salah, que fez o gol da vitória por 4 a 3. Na mesma chave, o Napoli, que havia vencido o Liverpool na primeira rodada, ficou apenas no empate sem gols diante do Genk, na Bélgica. Já nos demais jogos do dia, no Grupo G, o Lyon venceu fora de casa a equipe do Leipzig pelo placar de 2 a 0, enquanto o Zenit bateu o Benfica, por 3 a 1, na Rússia.

No Grupo H, Ajax e Chelsea venceram. Na Espanha e em pleno Mestalla, o Ajax atropelou o time do Valencia, pelo placar de 3 a 0 e é líder isolado da chave com duas vitórias. Por outro lado, o Chelsea ganhou a sua primeira partida na atual edição da Champions após estrear com derrota e venceu o Lille, por 2 a 1, na França. A terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa vai ser disputada nos dias 22 e 23 de outubro.